Reflexões

Sobre direitos e abusos

Para corromper um indivíduo, basta ensiná-lo a chamar “direitos” a seus direitos pessoais, e “abusos” aos direitos dos demais.

Gilbert Keith Chesterton (citado por Uy Press)

____________________________________________________________

Sobre a brutalidade da linguagem

A brutalidade da linguagem nos engana sobre a banalidade do pensamento e (salvo algumas grandes exceções) segue sendo compatível com certo conformismo.

Marguerite Yourcenar

____________________________________________________________ 

Sobre governos neoliberais

Durante os obscuros anos do governo neoliberal, a oposição necessitou um tempo para compreender os mecanismos utilizados pelo poder para impor o plano neoliberal e fetichizar a subjetividade. Nesse tempo, o campo popular pode desentranhar as operações midiáticas judiciais, o uso das fake News e do lawfare, pode constatar a instalação de afetos como a angústia, o medo e o ódio para disciplinar, e compreender uma das estratégias centrais utilizadas pelo poder: invisibilizar os interesses empresariais e transformá-los no “bem comum”, “a república” e “os valores democráticos”. Haverá que passar a uma ação que consista em uma pressão coletiva em torno da consigna do direito à informação verídica.

Nora Merlín

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *