Reflexões

Sobre uma despótica soberba

Com que indignação vi, em um dia de greve nacional, com despótica soberba, a polícia arrojando ao chão a comida que uns operários preparavam em suas panelas populares. E então me pergunto em que classe de sociedade vivemos, que democracia temos onde os corruptos vivem na impunidade, e a fome dos povos se considera subversiva.

Ernesto Sábato

 

Sobre a democracia e a ideologia de “fazer dinheiro”

A ideologia de “fazer dinheiro”, de ganhá-lo a qualquer preço, está pondo em perigo o valor universal da democracia. Parece agora que não se podem ganhar eleições sem corrupção, e a democracia parece que não funcionará sem corrupção.

Branko Milanovic

 

Sobre a capacidade de o capitalismo de absorver qualquer objeto com o qual tome contato

Quando finalmente chega, o capitalismo produz uma dessacralização em massa de toda cultura. É um sistema tal que já nenhuma Lei transcendente governa; pelo contrário, é um sistema que desmantela os códigos de todas as leis só para reinstalá-las ad hoc. Nenhum fiat (consentimento ou mandato) soberano fixa os limites do capitalismo, que mais bem se definem (e redefinem) de forma pragmática, sobre a marcha. Por isso é que o capitalismo é uma entidade infinitamente plástica, capaz de metabolizar e absorver qualquer objeto com o qual tome contato.

Mark Fisher

Deixe uma resposta